30 de novembro de 2011

A evolução do Google


O Google começou em janeiro de 1996 como um projeto de pesquisa de Larry Page e Sergey Brin, quando ambos eram estudantes de doutorado na Universidade de Stanford, na Califórnia, Estados Unidos.


Enquanto os motores de busca convencionais exibiam resultados classificados pela contagem de quantas vezes os termos de busca apareciam na primeira página, os dois teorizaram sobre um sistema melhor que analisava as relações entre os sites. Eles chamaram esta nova tecnologia PageRank, onde a relevância de um site era determinada pelo número de páginas, bem como pela importância dessas páginas, que ligavam de volta para o site original.
Um pequeno motor de busca chamado "RankDex" da IDD Information Services, projetado porRobin Li, desde 1996, já explorava uma estratégia semelhante para pontuação e classificação de páginas. A tecnologia do RankDex seria patenteada e usada mais tarde por Li, quando fundou a Baidu na China.

Page e Brin originalmente apelidaram de sua nova ferramenta de busca de "BackRub", porque o sistema de checava backlinks para estimar a importância de um site.


Eventualmente, eles mudaram o nome para o Google, proveniente de um erro ortográfico da palavra "googol", o número um seguido por cem zeros, que foi criado para indicar a quantidade de informação que o motor de busca podia processar. Originalmente, o Google funcionou sob o site da Universidade Stanford, com o domínio google.stanford.edu, com os direitos de autor mencionados à universidade no final de sua página à época.

O nome de domínio "Google" foi registrado em 15 de setembro de 1997 e a empresa foi constituída em 4 de setembro de 1998. No início, sua sede ficava na garagem de uma amiga (Susan Wojcicki) em Menlo Park, Califórnia. Craig Silverstein, um colega de doutorado estudante em Stanford, foi contratado como o primeiro funcionário.



A página original do Google tinha um desenho bem simples, já que seus fundadores não tinham experiência em HTML, a linguagem para páginas de web design 



 Essa imagem é do primeiro doodle do Google. A brincadeira começou em 1998 quando os fundadores da Google, Larry Page e Sargey Brin decidiram trocar o habitual logo da marca por este acima. Ambos queriam ir ao festival Burning Man e, por isso, colocaram o boneco que serve de símbolo ao evento dentro do logo do site. A ideia era dar a entender que, caso o serviço bloqueasse e não houvesse ninguém no escritório para atender o telefone, era porque eles tinham ido ao festival.



 Com o lançamento do Google Plus em 28 de junho de 2011 a barra de navegação que fica acima do logo ganhou uma nova cara, ficou preta e ganhou o botão de notificação da rede social da empresa.




A gigante de buscas chegou a testar um menu lateral flutuante na versão web, mas a ideia foi abortada. 



Agora em 2013 a empresa resolveu abolir a barra preta novamente, mas agora foi substituída por uma gaveta de apps no estilo Chrome OS. Veja na imagem abaixo:



A logomarca da empresa também foi repaginada. Ao contrário do Yahoo!, a companhia liderada por +Larry Page  resolveu seguir uma tendência mais flat e aboliu o efeito 3D. Veja como ficou: